Nossa História

A biografia de alguns homens e mulheres descrita no Antigo e no Novo Testamento e daqueles que fizeram parte da história geral da Igreja revela que eram pessoas valentes, dotadas de talento e força de vontade. Heróis que dedicaram grande parte do seu tempo em oração e na compreensão da Palavra de Deus para saber a perfeita vontade de Deus para suas vidas. Foram pessoas que tiveram compromisso com Deus e, ao serem desafiados, assim como foi o profeta Isaías, disseram: “Eis-me aqui Senhor, envia-me a mim”. Todos aceitaram o Ide de Jesus, mesmo que lhes custasse tempo, sofrimento, dor e até mesmo a vida, tornando-se mártires pela causa do Mestre.

Entre esses valentes, está Aimée Semple Mcpherson, que ao receber uma visão de Deus baseada em Ezequiel 1.1-28, fundou a Igreja do Evangelho Quadrangular (Internacional) em 01 de janeiro de 1923, na cidade de Los Angeles – Estados Unidos da América.

A Igreja do Evangelho Quadrangular nasceu em meio a um grande avivamento. Auditórios ficavam repletos de pessoas desejosas de ouvir a mensagem que Jesus Cristo salva, batiza com o Espírito Santo, cura e voltará para buscar a sua Igreja.

Os enfermos eram trazidos em macas para receber a oração da fé e os jornais da época estampavam manchetes dos grandes milagres realizados pelo Médico Divino. A polícia era chamada para organizar as multidões que acorriam às reuniões em busca de um milagre em suas vidas.

No ano de 1951, o avivamento chega ao Brasil. O Reverendo Harold Williams e sua família iniciam o trabalho em uma tenda de lona montada no Cambuci, em São Paulo. Multidões comparecem para ouvir a Palavra de Deus e muitos são curados de forma milagrosa.

A “Tenda de Jesus”, como ficaria conhecida, chega a Curitiba-PR, sendo inaugurada no dia 28 de maio de 1955 e instalada num terreno emprestado por um médico na Rua Brigadeiro Franco, esquina com Alameda Dona Isabel.

Apesar das grandes perseguições e calúnias movidas por autoridades e pela imprensa da época, o trabalho continuou crescendo, e centenas e centenas de pessoas foram curadas e convertidas a Cristo.

Da tenda de lona, os cultos passaram a ser realizados em um enorme salão alugado numa antiga fábrica de móveis que havia falido. Naquele lugar começava a estabelecer-se a Primeira Igreja do Evangelho Quadrangular em Curitiba.

No dia 02 de janeiro de 1956, a saudosa irmã Leonor Veiga, membro da Primeira Igreja na época, teve uma visão dada pelo Senhor: “Da sua casa sairia uma grande igreja”. Visão esta confirmada por Deus à Pastora Nair de Castro no mês de fevereiro do mesmo ano.

Às 15 horas do dia 25 de julho de 1956, realizou-se o primeiro culto naquela residência no qual havia 16 adultos e 10 crianças. Os cultos continuaram sendo realizados aos domingos sob a liderança do obreiro Joel do Nascimento, tendo como auxiliares o irmão Arnaldo e Agostinho Basso, que na época era diácono da Primeira Igreja do Evangelho Quadrangular.

O irmão Joel manteve o trabalho por três meses passando, então, a liderança para o irmão Agostinho Basso que, com apenas 18 anos de idade, se manteve firme, juntamente com a família Veiga, fazendo visitas aos lares do bairro, orando pelos enfermos, pregando a Palavra e convidando as pessoas para frequentar os cultos. 

No dia 17 de abril de 1957, o trabalho foi elevado à categoria de Congregação e, após dois anos e sete meses na residência da família Veiga, mudou-se para um tabernáculo de madeira na Rua Delegado Leopoldo Belczak, Capão da Imbuia, em um terreno adquirido pelos irmãos.    

Em 31 de dezembro de 1960, a Congregação é elevada à categoria de Igreja, da qual faziam parte 152 pessoas batizadas nas águas, 70 batizadas com o Espírito Santo e 150 dizimistas fiéis. Não demorou muito e o tabernáculo ficou pequeno. Pessoas convictas de sua fé desciam às águas do batismo, realizados com muito fervor e entusiasmo. Em lugar do antigo tabernáculo, começava a surgir um templo de alvenaria, onde o afinado Coral Rocha dos Séculos entoava canções de adoração a Deus.

A Igreja, então, cria sua Escola Bíblica Dominical, cujo propósito era ensinar a preciosa Palavra de Deus, edificando os corações segundos os estatutos e princípios da sã doutrina. Observando os sagrados ensinamentos das Escrituras, a Igreja crescia e se fortalecia.

As campanhas de libertação lotavam o templo e a manifestação do poder de Deus era notória. As pessoas continuavam chegando e os laços de comunhão se estreitavam criando um ambiente de fraternidade e amor, onde o Espírito de Deus encontrava plena liberdade para atuar. Caminhadas eram realizadas pelo bairro, os irmãos e irmãs distribuíam folhetos e louvavam a Deus. A festa era coroada com batismo em águas, onde os novos convertidos testificavam sua fé. Assim a bandeira quadrangular tremulava nos ares como símbolo do senhorio de Jesus Cristo no bairro do Capão da Imbuia.

A ampliação do templo fez-se necessária mais uma vez. A cada dia o Espírito Santo acrescentava almas à Igreja.  Iniciou-se a construção sem muitos recursos, porém, com muita fé, e o Deus provedor, dono do ouro e da prata, honrou a fé daqueles que ousaram acreditar nas promessas da sua Palavra.

No ano de 1991, já se podia vislumbrar a grandiosidade daquela casa de oração, não por causa do seu tamanho e beleza, mas, pelo Deus para O qual foi erigida. O entusiasmo e o fervor se faziam presentes nos cultos. Uma Igreja não se mede apenas pelo seu aspecto arquitetônico e número de membros, mas pela presença gloriosa do Espírito Santo e pelo sincero desejo dos corações por uma vida de santidade e serviço.

Mantendo-se fiel às tradições, a 4ª Igreja do Evangelho Quadrangular - IEQ continua crendo num Deus de milagres e incentivando as pessoas a buscar nesse Deus Todo Poderoso a solução para os seus conflitos.

As autoridades municipais reconheceram o trabalho prestado à comunidade pela 4ª IEQ e pelo pastor Agostinho Basso, homenageando-o com o título de Vulto Emérito de Curitiba, na Câmara Municipal. O pastor rende todas as honras ao Senhor Jesus Cristo e prega o Evangelho para as autoridades desta cidade. 

No ano de 2000, novos ventos de avivamento sopraram sobre a Igreja. Com a implantação da Visão Celular no Modelo dos Doze, deu-se um novo impulso ao evangelismo através dos eventos de colheita e da revitalização do trabalho nos lares com a criação de células. Também o discipulado foi revigorado com o estabelecimento dos grupos de estudo bíblico e da escada do sucesso.

Nos “Encontros com Deus”, (retiros espirituais de três dias), homens, mulheres, jovens, adolescentes, juniores e crianças foram impactados ao ter uma experiência face a face com Deus. Foram dias de quebrantamento, libertação, curas físicas e emocionais, batismo com o Espírito Santo e renovação espiritual. Certamente vidas foram transformadas e a alegria tomou conta da Igreja ao se ouvirem os testemunhos do grande poder de Deus.

No decorrer desses 50 anos, a 4ª IEQ gerou várias outras igrejas, formou obreiros e pastores que se espalharam pelo Brasil e pelo exterior realizando a obra do Mestre.

Atualmente, tem cerca de 4 mil membros relacionados no seu rol, um ministério composto por  21 ministros do evangelho, 17 aspirantes ao ministério e 136 obreiros credenciados, além de um grande número de obreiros auxiliares (músicos e cantores, diáconos e diaconisas, professores (as), líderes de células e micro células, equipe de apoio, equipe de dança e teatro, etc.).

As crianças merecem atenção especial, porque constituem a igreja do futuro. Em meio a muitas atividades que lhes são oferecidas, os valores cristãos são transmitidos visando transformá-las em cidadãos e cidadãs que contribuam para o engrandecimento da nação, e, sobretudo em instrumentos nas mãos de Deus para influenciar sua geração.

Os adolescentes e jovens também recebem essa atenção e entre as várias atividades recreativas preparadas para eles, são orientados no ensino da Palavra e edificação espiritual, visando livrá-los da influência de um mundo corrompido e resgatar os verdadeiros valores hoje esquecidos pela sociedade.

Os homens e mulheres desenvolvem atividades de integração, de discipulado e de crescimento espiritual.  Os casais são atendidos pelo Ministério de Casais, que também realiza cursos e retiros visando à restauração e ao fortalecimento dos laços familiares. Aqueles que buscam a restauração sentimental (divorciados (as), viúvos (as), etc.), encontram seu espaço no Ministério Betesda.

Na área do ensino bíblico, a 4ª IEQ tem o privilégio de funcionar em suas instalações o Instituto Teológico Quadrangular, o Departamento de Ensino Bíblico Quadrangular, a Missão Quadrangular Cristo para as Crianças e a Faculdade Teológica. Uma organizada biblioteca serve de estímulo para que os membros da Igreja cultivem o hábito da leitura. Com títulos dos mais diversos, os livros incentivam o crescimento espiritual e a aquisição do conhecimento cristão.

A Associação Siloé constitui-se o braço social da Igreja desenvolvendo o assistencialismo e projetos sociais que visam proporcionar oportunidades de inclusão aos mais necessitados.

Às quartas-feiras, os empresários se reúnem numa poderosa corrente de prosperidade. Jantares e Workshop são promovidos visando à comunhão e à edificação espiritual através de testemunhos de homens e mulheres bem-sucedidos pela atuação do poder de Deus em suas vidas. É um meio de fornecer subsídios para que os empresários administrem com sabedoria os seus negócios.

Almas continuam sendo salvas. A pregação do evangelho não tem se restringido ao bairro do Capão da Imbuia. Vidas têm sido alcançadas em estabelecimentos penais, hospitais, educandário e outras entidades.

Dentre tantas atividades, o espírito missionário sempre marcou a 4ª IEQ. A Igreja investe em missões locais, estaduais, nacionais e internacionais, enviando ofertas e mantendo missionários no campo de trabalho.

Em Curitiba, além do templo sede, capelas e pontos de pregação se espalham pela cidade e Região Metropolitana.  

Todo o extenso trabalho realizado pela Igreja, nas mais diversas frentes, é respaldado pelo Ministério de Intercessão que mobiliza intercessores, organiza o relógio de oração e proporciona cobertura espiritual através da oração e batalha espiritual.

Já lembramos com saudosismo do passado e nos alegramos pelo dia de hoje. Surge, então, uma pergunta: Como será o amanhã?

A visão da 4ª IEQ é uma imagem clara de um futuro proporcionado por Deus aos seus escolhidos, com base numa acurada compreensão da vontade de Deus. A visão da Igreja do amanhã consiste em projetar a vontade de Deus para que aquilo que não existe venha a existir. E para que isso se torne realidade é preciso buscar e cultivar os pensamentos de Deus.

O objetivo não é se acomodar diante de um futuro pré-determinado, e, sim, criar o futuro. A visão da Igreja do amanhã é o meio para definir parâmetros dentro dos quais este futuro haverá de emergir.

As estruturas podem mudar e ser aperfeiçoadas adaptando-se ao novo contexto social, porém o nosso Deus permanece o mesmo. O Deus Todo Poderoso, criador dos céus e da terra, juiz dos vivos e dos mortos. A mensagem também não muda, o mesmo Jesus que operou milagres no passado, continua Salvando, Curando, Batizando com o Espírito Santo e preparando um povo santo que ele virá buscar.

Uma Igreja que nasceu numa humilde casa de família não pode renegar suas origens. Os lares se abrirão para pregação do Evangelho, o Espírito Santo de Deus usará homens e mulheres, os milagres acontecerão e multidões se renderão aos pés do Senhor Jesus.

À Igreja é dada a promessa. A Palavra de Deus diz pelo profeta Joel 2:28-32: “E há de ser que, depois, derramarei o meu Espírito sobre toda a carne, e vossos filhos e vossas filhas profetizarão, os vossos velhos terão sonhos, os vossos mancebos terão visões. E sobre os servos e servas naqueles dias derramarei o meu Espírito.  E mostrarei prodígios no céu, e na terra, sangue e fogo, e colunas de fumaça. O sol se converterá em trevas, e a lua em sangue antes que venha o grande e terrível dia do Senhor. E há de ser que todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo; porque no Monte de Sião e em Jerusalém haverá livramento, assim como o Senhor tem dito, e nos restantes, que o Senhor chamar.”

Todavia, a pergunta continua ecoando: A quem enviarei, e quem há de ir por nós?

Que a resposta do profeta Isaías seja a nossa resposta: “Eis-me aqui, envia-me a mim”.

Venha nos Visitar

Venha nos Visitar

Entre em Contato Conosco

Entre em Contato Conosco

Endereço

Rua Delegado Leopoldo Belczak, 1303

Entre em Contato

41 3083-3032

portal@4ieq.com

Formulário de Direito dos Titulares

Prover ® 2020. Todos os direitos reservados.